Skip to main content

Pelas próximas semanas, o Educador21 trará um raio-X de cada um dos comitês do Conselho Consultivo da Bett Brasil 2023

Já começa a se desenhar a 29ª Edição da Bett Brasil, maior encontro de Educação e Tecnologia da América Latina que acontecerá de 9 a 12 de maio no Transamerica Expo Center, em São Paulo. O tema central da Bett Brasil 2023 será “Educação e Trabalho para Novos Futuros“. 

Além das confirmações de data e tema central, já se sabe que o evento terá uma nova área, dedicada ao Ensino Superior e Profissional, com exposição de produtos, soluções e tecnologia, além de conteúdos com temas específicos que abordarão hibridismo, empregabilidade, inovação (em seus novos modelos de ensino) e formação inicial de educadores e educadoras.

Para destrinchar todas as propostas e conceitos que envolvem a educação e o trabalho nas palestras, seminários, oficinas e cursos, assim como os subtemas a serem abordados — currículo, tecnologia, avaliação, desenvolvimento docente, inclusão e equidade — entra em campo o Conselho Consultivo Bett.

O escopo do trabalho do conselho consiste em analisar e definir novos temas e debates para a programação do evento. Os membros dos comitês são os responsáveis por levar para o evento algumas das conexões mais importantes para aumentar o potencial de articulação entre os diversos setores educacionais e da sociedade.

“De um modo geral, os conselheiros têm o papel de aconselhamento, orientação e articulação de contatos para a área de conteúdo da Bett Brasil. Apoiam com a ​curadoria das temáticas e indicação de palestrantes. Desse modo, conseguimos aprofundar essas áreas e temáticas de forma mais específica e organizada”, explicou a diretora de Conteúdo da Bett Brasil, Adriana Martinelli.

Composto por nomes de peso do atual cenário educacional brasileiro, o Conselho Consultivo tem a função de fazer o processo de mentoria e direcionamento das propostas pedagógicas que serão apresentadas na Bett Brasil 2023.

Além disso, os conselheiros serão colunistas na produção de conteúdo da Bett Brasil, como artigos e entrevistas, e também se debruçarão sobre as atividades dos demais eventos da Bett ao longo de 2023.  “A contribuição dos membros do Conselho Consultivo é permanente, em função das estratégias e ações que a Bett realizará ao longo do ano”, pontuou Adriana Martinelli.

Confira os nomes dos integrantes de cada comitê do Conselho Consultivo Bett

O Conselho Consultivo Bett está estruturado em cinco comitês. Cada comitê conta com cerca de cinco membros, sendo que esta composição deverá atuar no período de agosto de 2022 a julho de 2024.

No decorrer das próximas semanas, o Educador21 — parceiro de conteúdo da Bett Brasil pelo quarto ano consecutivo — estará ajudando os participantes do congresso a conhecer melhor os membros do conselho e a entender suas contribuições aos comitês formados.

Confira a formação dos comitês e acompanhe as próximas matérias aqui no portal:

Comitê Político Estratégico

  • Emilio Munaro CEO, Global Me
  • Ir. Adair Aparecida Sberga diretora vice-presidente, Anec
  • Leo Gmeiner, fundador e CEO, School Guardian
  • Maria Helena Guimarães presidente do Conselho Nacional de Educação
  • Mozart Neves, membro do Conselho Nacional de Educação (CNE), professor e consultor educacional
  • Antônio Francisco dos Santos, Secretário do Sieeesp e CEO da Diversidade Editora
  • Bruno Eizerik, presidente da Fenep e do Sinepe/RS

Comitê Educação Básica

  • Katia Stocco Smole, diretora Executiva do Instituto Reúna
  • Lucia Dellagnelo, diretora do Centro de Inovação para Educação Brasileira (Cieb)
  • Maria Inês Fini, presidente da Anebhi
  • Alexandre Le Voci Sayad, diretor da ZeitGeist e membro da Unesco MIL Alliance
  • Janine Rodrigues, fundadora da edtech Piraporiando

Comitê Educação Superior

  • Domingos Machado, presidente da Tiradentes Innovation Center
  • Romero Tori, professor associado da Poli-USP
  • Simone Loureiro Brum Imperatore, diretora da Edux21 Consultoria Educacional
  • Alexandre Marino, Professor Titular da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  • Celso Niskier, diretor-presidente da ABMESComitê Educação Profissional
  • Felipe Morgado, superintendente da Unidade de Educação Profissional e Superior do SENAI;
  • Laura Laganá, Superintendente do Centro Paula Souza
  • Luciano Meira, sócio fundador da Joy Street.Comitê de Governo
  • Luiz Miguel, presidente da Undime-Nacional
  • Márcia Bernardes, presidente da Undime-São Paulo
  • Nilce Costa, Consed (Conselho Nacional de Secretários de Educação)
  • Helber Vieira, MEC (Ministério da Educação)

Compartilhe: